Resenha ~ Big Rock

Série Big Rock #01

Olá pessoal, quero falar com vocês sobre o livro Big Rock da autora Lauren Blakely, que apesar de ser classificado como hot, ele é um romance e entra na minhas categorias de leitura, a verdade é que eu leio qualquer livro hot se houver uma boa história envolvendo as cenas, se for só sexo eu dispenso. Neste caso o que chama a atenção deste livro e que depois vimos que se trataria de uma série, é que a narrativa é masculina. Este ponto por si só já nos chama a atenção.

Eu confesso ter demorado muito a ler este livro porque minha amiga o comprou e tinha tantas expectativas sobre ele por causa da sinopse que se frustrou na leitura ao não ser o que ela esperava. Então meu primeiro ponto a falar com vocês é não esperar demais do livro. Aliás é uma história bem clichê, dois amigos que se envolvem. E o final vocês já podem esperar.


Próximas histórias: Mister O #02 |  Bem Safado #03

“Vamos, então – ela responde. – Amigos não deixam amigos comerem ursinhos de gelatina sozinhos. Eu levo as balas. – Eu vou comer as verdes, não se preocupe.”


Spenser é um cara bem inteligente e bonito, mas um play boy que se acha o especialista sobre entender as mulheres. Também logo de início vemos se tratar de um cara com um ego enorme devido a certa parte de sua anatomia. Ele possui um negócio em parceria com sua melhor amiga desde a época da faculdade, a Charlotte. Um ajuda o outro no bar a se livrar de pessoas indesejadas que se aproximam fingindo serem noivos, até o dia que eles levam essa farsa mais longe.

Seus pais são donos de uma loja de joias e eles estão tentando vender, só que o cara que deseja fazer uma oferta para comprar é super conservador. Tentando ajudar seu pai na venda, o Spenser resolve pedir a ajuda da Charlotte para se sua noiva fictícia e assim ajudar a melhorar sua imagem. Só que ele não imaginava que as coisas fossem esquentar entre eles e tudo o que ele menos deseja é perder a amizade da Charlotte por conta de uma mentira. Mas até que ponto a mudança no relacionamento entre eles é mentira.

A Charlotte é uma mulher linda, que se deu muito bem na vida quando aceitou montar um negócio com seu amigo Spenser e nunca fez nada para atrapalhar esta amizade, até que ele lhe pede para fingir ser sua noiva, e se aproveitando do fato dela querer se livrar do ex-namorado traidor que mora no mesmo prédio que ela, resolve aceitar. Só que ela é péssima em mentir, principalmente para si mesma e agora ela não sabe como não deixar o Spenser descobrir que gosta realmente dele e assim não acabar com a parceria entre eles.

O que percebi nesta história pelo ponto de vista masculino é que eles são completamente burros e ignorantes quando se trata de sentimentos e que ele não sabe absolutamente nada sobre as mulheres pois, prazer sexual não nos define. A história acaba por ser engraçada neste ponto. Outra coisa legal foi o enredo que a autora criou com os outros personagens, além de pôr a Charlotte como o cérebro deste relacionamento.

Apesar do romance ser bem clichê, o drama que ela coloca no final ficou bem legal, é uma verdadeira surpresa e o desenrolar dos fatos ficou bem interessante também. Meu coração romântico ficou super satisfeito com o final da história. Não vou falar muita coisa mais para
não dar spoiler e estragar a leitura. No fim das contas creio que o minha amiga não gostou foi da personalidade emocional do mocinho, ele disse que ficou parecendo uma versão feminina.. mas gente, nós somos melhores... kkkkk

Confesso pra vocês que eu li o segundo antes deste e que ele é bem melhor, percebi com os comentários dos próximos volumes que a autora vai melhorando os enredos e com isso os livros vão sendo bem melhores. Então vamos seguir em frente e ler os próximos pois eles prometem uma boa história.


Boa leitura,

Nota: ,5




Sobre o Livro ~ Informações Técnicas

Big Rock
Autora: Lauren Blakely
Série: Big Rock #01
Páginas: 223
Tradutor: Fabio Maximiliano
Editora: Faro Editorial

SinospeEle tem todos os talentos. Às vezes, tamanho é documento.

  “A maioria dos homens não entende as mulheres.”

Spencer Holiday sabe disso. E ele também sabe do que as mulheres gostam.

E não pense você que se trata só mais um playboy conquistador. Tá, ok, ele é um playboy conquistador, mas ele não sacaneia as mulheres, apenas dá aquilo que elas querem, sem mentiras, sem criar falsas expectativas. “A vida é assim, sempre como uma troca, certo?”

Quer dizer, a vida ERA assim.

Agora que seu pai está envolvido na venda multimilionária dos negócios da família, ele tem de mudar. Spencer precisa largar sua vida de playboy e mulherengo e parecer um empresário de sucesso, recatado, de boa família, sem um passado – ou um presente – comprometedor… pelo menos durante esse processo.


Tentando agradar o futuro comprador da rede de joalherias da família, o antiquado sr. Offerman, ele fala demais e acaba se envolvendo numa confusão. E agora a sua sócia terá que fingir ser sua noiva, até que esse contrato seja assinado. O problema é que ele nunca olhou para Charlotte dessa maneira – e talvez por isso eles sejam os melhores amigos e sócios. Nunca tinha olhado… até agora.

Nenhum comentário:

Postar um comentário