Segredos ♣ Resenha


Segredos, como eles podem ser fatais... este é o título, e perfeito por sinal deste livro. A primeira vez que o li, tive um verdadeiro choque com esta história, estava acostumada com romances “água com açúcar”, alguns mais elaborados devido aos próprios livros da Nora que eu já estava lendo, mas esta história é um de um suspense e uma carga dramática tão forte que quando terminei de ler, disse para mim mesma, uau, que história pesada, não sei se quero ler novamente. Mas o amadurecimento literário faz maravilhas né, por isso reli esta história fantástica e quero compartilha-la com vocês, mas, o sentimento de “uau... que história pesada” permanece. Prepare-se, porque esta leitura te arrebata do início ao fim, te deixando com o coração na mão até o último capítulo, mas tudo valendo a pena porque o final é arrebatador.
Esta história é uma verdadeira viagem pela própria história do Rock and Roll durante os anos de 1967 até o início dos anos de 1990 e vários fatos que ocorreram no mundo durante estas três décadas, principalmente no que diz respeito a música e mais específico no mundo do Rock. Ela se passa principalmente entre as cidades de Londres na Inglaterra onde se inicia e Los Angeles nos Estados Unidos onde se encerra. São várias referências musicais, e podem esperar uma playlist futura desta história, “Spotfy nos aguarde”.

Emma Palmer aos três anos de idade já sabia o que era sofre na mão de um adulto, quando sua mãe estava nervosa, ela sabia que precisava se esconder e ficar bem quietinha para não apanhar. Foi com esta idade que ela conheceu o seu pai pessoalmente, pois a mãe lhe mostrava várias fotos dele e lhe fazia ouvir todas as suas músicas. Era uma criança linda, a cara do pai e por isso mesmo quando ele a viu, percebeu de imediato que a Jane não estava mentindo, e faz a única coisa possível no momento, levou sua filha embora com ele, mudando radicalmente sua história e a dela.

Brian McAvoy e uma estrela do Rock em ascensão, vocalista da banda Devastation, grupo que ele formou como seu melhor amigo Johnno (que por sinal é gay, mas não declarado abertamente), só os íntimos que sabiam, este fato tem grande relevância na história, ainda mais na vida do Johnn. Pra Bri tudo o que realmente sonhara estava acontecendo, a banda fazendo finalmente sucesso, prestes a se casar com a Bev, o amor de sua vida (que estava grávida dele) quando sua amante da juventude ( que por sinal, queria esquecer totalmente), muda sua vida ao lhe provar que teve uma filha dele, como um bom irlandês e devido a tudo que já havia vivido até aquele momento, não havia outra decisão a tomar que não ser ficar com ela e manter Jane longe deles. Ainda temos como personagens desta história, o Pete, o agente da banda, Steve o guitarrista e P.M, o baterista que valem destaque por que apesar da história principal girar em torno da Emma, eles são fundamentais em tudo o que irá acontecer daqui em diante.

Pela primeira vez na sua vida Emma se sentia segura, morando no castelo para onde o seu pai lhe levou, junto com a moça bonita que se tornou a esposa dele, mas bem no fundo de sua mente, ela sabia que o escuro escondia monstros que iriam pegá-la. Será? A história então começa a se desenrolar, onde a banda se torna sua família, a Bev é a mãe que não teve de verdade, e seu pai o “Da” é o homem mais maravilhoso da terra, e tudo fica muito melhor quando seu irmão nasce. Ele é o maior amor em sua vida depois do pai, ela iria cuidar dele sempre, e protege-lo de todos os monstros do escuro.
Começa então uma viagem pelo mundo do Rock, regada a muitas festas cheias de bebidas e drogas e a Emma com seu irmão crescendo um pouco alheios a tudo isto devido a todo cuidado da Bev, mas os monstros não ficaram longe e em uma das festas, a Emma acorda e mesmo no escuro vai ao quarto do seu irmão pois ele estava chorando e vê que os monstros o pegaram, ela foge atrás do seu pai e aí seu mundo, e o de todos os integrantes desta família acaba de alguma forma, pois ela sente por não ter conseguido protege-lo.

É aí que surge o detetive Lou Kesselring, que terá a difícil missão de descobrir o que aconteceu, principalmente porque a única testemunha era uma criança de seis anos que não se lembra de nada. Entra na história também Michael Kesselring, o filho pequeno do detetive que terá papel importante na história e mais importante ainda na vida da Emma.

Podemos colocar esta história em três fases, a primeira que é a infância da Emma, a segunda que seria sua adolescência, passada principalmente no colégio de freiras para aonde o seu pai a enviou depois da tragédia querendo protege-la de toda a vida que ele vivia no mundo do Rock and Roll, mas ela conseguiu se manter mesmo assim ligada a todos eles e acompanhar tudo o que acontecia com sua família, e com isso ela precisou enfrentar a dura realidade que sua família não era perfeita e muito menos seu pai. É quando ela aprende algo importe sobre relacionamento e o amor.

“O sexo é fácil e vazio, por mais excitante que seja no momento. Fazer amor com alguém é sempre uma experiência diferente. Você mesma vai descobrir isso. E quando os sentimentos estão envolvidos, acho que se pode dizer que é sagrado.(...)  - Há todos os tipos de solidão, Emma.”

Nesta segunda parte em uma de suas férias ela se encontra com o Michael Kesselring, e seu coração bate mais forte pela primeira vez.

A terceira fase começa com o fim de seus estudos e sua entrada na vida adulta, onde ela junto com sua melhor amiga a Marianne vai morar em Nova York, para fazerem faculdade. Seu sonho de carreira é se fotógrafa. Mas se você pensa que aí a vida da Emma vai finalmente dar totalmente certo, enganasse. A Nora nos envolve em novas cargas dramáticas, novos choques de realidade, pois na época em que a história foi escrita vários assuntos não eram discutidos abertamente na sociedade e ainda tem o mistério inicial desta história que não foi desvendado e nos deixa com várias dúvidas e imaginando suspeitos. Você ainda fica se perguntando se o amor verdadeiro existe e se haverá um final feliz. É nesta terceira parte que o Michael retorna para a vida de Emma e ficamos torcendo para um acerto entre eles.

Seu coração continua batendo forte?? Eu pensei que teria um ataque cardíaco até chegar ao último capítulo. Uma história espetacular, que nos traz um choque de realidade da época de maneira bem escrachada mesmo, que te deixa fazendo várias perguntas pessoais sobre seu próprio comportamento e atitudes e que para mim foi um divisor de águas em minhas leituras e meu amor pela Nora só cresceu após ver como ela consegue ser tão fantástica como autora e tão versátil em suas histórias. Dou nota 5/5 para este livro sem medo e recomendo muito a leitura dele para quem gosta de suspense/drama, mas com um final Nora Roberts.

Boa leitura,


Sobre o Livro ~ Informações Técnicas


Segredos
Título original: Public Secrets
Páginas: 630
Ano de edição: 2005
Tradução: A.B. Pinheiro de Lemos
Editora: Bertrand Brasil
Nota: 

A talentosa Emma Mc'Avoy vive em um mundo de conforto e riqueza, mas seu passado esconde lembranças sombrias. Aos seis anos de idade, foi a única testemunha de uma desastrada e mal-explicada tentativa de sequestro que provocou a morte de seu pequeno meio-irmão Darren. Desde então, seu pai – um grande astro do rock inglês – cercou Emma de seguranças e guarda-costas. No entanto, mesmo após crescer e se tornar uma linda mulher, nada é capaz de protegê-la das recordações daquela noite de horror. 
Há a esperança de que uma grande paixão seja a solução para todos os seus medos, mas... o homem de seus sonhos também parece guardar o mais mortal dos Segredos. Em seu novo romance, Nora Roberts reúne todos os elementos que a consagraram como a escritora de maior sucesso em todo o mundo e apresenta uma trama de mistério e sedução. 

20 comentários:

  1. Oii Elis. Caramba que resenha fantástica de um livro fantástico. Eu normalmente não leio muito romances água com açúcar e saber que esse foge justamente desse tipo me deixa com muita vontade de ler ele. Sempre gostei de livros que além do romance envolve drama... Mas para tudo!! Também tem suspense... Entrou mais do que merecidamente para lista dos desejados. Beijos.

    Fantástica Ficção

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá... este livro é tudo e mais um pouco... nunca sofri tanto com um livro da Nora... vc não vai se arrepender de ler. bjs

      Excluir
  2. Olá! Uau, esse livro realmente parece ser de tirar o fôlego. Livros assim são ótimos, nos trazem diversas emoções e nos fazem refletir também. Obrigada pela indicação, parabéns pela resenha, bjs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pelo seu recadinho.. super recomendo a leitura. bjs

      Excluir
  3. Eu conheci a escrita da nora pela série Mortal, então foi estranho quando li os romances! hahaha
    Ela é incrível! E tenho certeza que vou amar essa obra tb!

    osenhordoslivrosblog.wordpress.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. São quase que como duas pessoas diferentes né... foi por isso que ela criou outro nome.. srsrsr... eu amo os romances, mas pra quem lê JD este livro é ótimo. Bjs

      Excluir
  4. Olá, toda vez que visito o seu blog, me vejo ansiosa para ler meus livros da nora que estão parados na estante, eu achava que tinha só dois , mas esse dias descobri que tenho mais dois kkk, tenho um daqueles que são dois em um sabe, duas histórias num mesmo livro e eu nem tinha reparado que era da Nora. Eu iria ler ele agora no natal,já que o livro é no clima natalino, mas acho que não vai dar, porque tou numa correria danada.Quanto a sua renha de hoje está linda, eu adoro livros com suspense/drama e vou procurar esse daí, quando fala em castelo, já imagino o cenário, imagino que esse livro seja encantador mesmo, bjocas e bom domingo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não perca tempo e leia seus livros da Nora... Obrigada pelo carinho e recadinho no blog. bjs

      Excluir
  5. Adoro leituras que nos chocam no final kk que nos deixam na bad repensando nossa própria vida kkk parece que a Nora sempre está a frente do tempo, escrevendo obras e nos surpreendendo, ela consegue sair de um romance fofo, e nos jogar em uma leitura eletrizante com a mesma facilidade e sutileza .. é incrivel!! Adorei a resenha!! como sempre estava maravilhosa e deliciosa de se ler..
    A e quanto ao visual novo do blog!! Que maravilhoso!! as cores super harmoniosas <3 simplesmente amei!!
    Parabéns meninas.. mil beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada!!!!!!!!!! a Nora é diva mesmo... valeu pelo carinho!!!!!!!! bjs

      Excluir
  6. Olá! Eita! Essa história parece ser bem intrigante mesmo, que resenha mulher! Eu amo a Nora Robert e suas histórias intrincadas, cheias de camadas. Fora que já me ganhou pelo fato de ter referências de músicas, adoro histórias com esse elemento pq elas ganham mais sensibilidade. E é incrível quando um livro tem uma carga emocional mais pesada, do tipo "não o leria de novo", mas ao mesmo tempo nos transforma por dentro e nos faz ficar durante dias pensando na história. Parabéns pela resenha. Beijos <3
    https://abducaoliteraria.wordpress.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada!!!!!!!! Este livro te deixa ansiosa... mas vale sim uma releitura como eu mesma comprovei. Bjs

      Excluir
  7. Olá, tudo bom? A escrita da autora parece muito boa, e toda vez que leio resenhas sobre o livro dela aumenta minha vontade de conhece-la.
    Adorei a resenha e tudo que você apontou do livro.

    Beijos
    Amor Literário

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada!!! eu adoro o jeito que ela escreve e por isso amo seus livros... vale a pena você ler um livro dela... tenho certeza que irá gostar. bjs

      Excluir
  8. Olá!

    Olá!

    Adorei sua resenha, só pela sinopse já senti bastante tensão e fiquei curiosa, gosto muito de livros que trabalham um passado misterioso e o nome do livro já denuncia algo nessa linha. Aliás, adorei o novo layout e as mudanças no Blog!

    Um beijo, Carol
    Blog com V.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada xará... rsrsrs.. este livro é top... esperamos deixar o blog tudo ok logo. Bjs

      Excluir
  9. Socorrooooo, quase não termino sua resenha para ir atrás desse livro. Caramba! Se sua resenha já foi todo esse suspense e drama, o que espera esse livro??? Já ia pedir spolier porque queria saber o que aconteceu com o irmão dela, mas a sinopse apaziguou um pouco meu coração, mas ele está na minha lista, vou ler mesmo!
    Parabéns pela resenha, ela está maravilhosaaaaa!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Menina.. eu quase morri quando li este livro... ele é maravilhoso.. pode por tranquilo na sua meta de leitura. Obrigada pelo carinho. Bjs

      Excluir
  10. Ola Carol, adorei sua resenha! Que intenso esse livro, fiquei sem fôlego com seu texto e fiquei imaginando a leitura . Já quero rs entrou para wishlist infinita kkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pelo carinho.. intenso descreve bem este livro. bjs

      Excluir