Resenha ~ A testemunha




A primeira coisa que me chamou atenção nesse livro foi o fato de ser volume único, serio, fazia algum tempo que só estavam relançando histórias ou lançamentos de trilogias/quartetos.
Como sempre as sinopses dos livros da Nora no Brasil sempre deixam a desejar. (Ninguém merece) mas a despeito de tudo isso... bom estamos falando de Nora então sim vou ler sem ficar impressionada como a sinopse.

Resenha ~ O Mistério de uma flor


Trilogia Corações Irlandeses #02

Dando continuidade a Trilogia Corações Irlandeses, temos o livro O Mistério de Uma Flor, que nos conta a história de uma prima distante da Adelia, só que na Irlanda, família é família, por menor que seja a proximidade sanguínea e o carinho, respeito e tradições devem ser preservados por todos.

Ela se chamava Erin, o nome usado pelos poetas para designar seu país, a Irlanda. E, como o seu país, Erin McKinnon era um poço de contradições. Rebelião e poesia, paixão e melancolia. Era forte o bastante para lutar por suas crenças, teimosa o suficiente para continuar lutando após uma causa ter sido perdida e generosa a ponto de dar tudo o que tinha. Era uma mulher de pele macia e mente determinada. Tinha sonhos doces e ambições gigantescas”.

Resenha ~ A Suspeita



Olá, quero comentar com vocês sobre o Livro A Suspeita.  Se você está a fim de ler um romance policial que tem uma leitura simples e bem legal, para poder apenas relaxar...super recomendo. Esta história é contada pelo personagem principal masculino, o que em si já dá uma cara diferente no livro.

Resenha ~ Pecados Sagrados

Dueto - D.C Detetives #01

Depois de uma ressaca literária monstra (sim duas semanas de sofrimento e angustia) peguei esse livro para reler, mesmo com o fantasma do gosto ruim me assombrando. Mas vamos lá...
“Não pode encontrar remédio algum para algum cérebro doente, da memória tirar uma tristeza enraizada, da mente extirpar as dores ali escritas, e com algum antidoto de doce e agradável esquecimento aliviar o peito oprimido a gemer sob o peso da matéria perigosa que comprime o coração? ”
Macbeth Ato V, Cena III - William Shakespeare

Não demorou nem dois capítulos para eu lembrar porque sempre adorei Pecados Sagrados, personagens bem construídos e com perfis psicológicos consistentes e principalmente apaixonantes. Eu sei disso porque me vi envolvida totalmente no livro “como se fosse a primeira vez” e mesmo sabendo o final eu me vi levada a querer ler até o desfecho.